quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Prefácio



Prefácio de José Arguelles para
 “A Aurora do Novo Mundo”, de Luís A. W. Salvi

  
  Neste livro, “A Aurora do Novo Mundo”, L. A. Weber Salvi prova ser um dos raros seres humanos que pensam, e, além disto, alguém que respira vida nos seus pensamentos.

A Aurora do Novo Mundo é um trabalho de filosofia natural, isto é, de alguém que compreende que a civilização humana, em seu mais elevado nível, é a síntese de leis naturais, e que essas leis ou ciclos naturais são os reflexos de uma ordem divina. O lapso de caos chamado história ou democracia é também um aspecto desta elevada, divina ordem.

Através de uma arrojada síntese de “visões clássicas de ciclos históricos”, representando uma absoluta compreensão das culturas planetárias, L. A. Weber Salvi traz o leitor do seu breve, mas potente estudo a um luminoso limiar: a aurora de um novo dia.

                José Arguelles

Lua Rítmica 25
Kin 153 Caminhante do Céu Planetário Vermelho
Segundo Ano da Profecia Lua Lunar Vermelha
                         Osorno, Chile

Nenhum comentário:

Postar um comentário